sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

O que significa o Sinal da Cruz?

Um sacramental para todos os momentos de sua vida
O Verbo se fez carne para salvar-nos, reconciliando-nos com Deus: "Foi Ele que nos amou e enviou-nos seu Filho como vitima de expiação por nossos pecados" (1Jo 4,10). "O Pai enviou seu Filho como o Salvador do mundo" (1Jo 4,14). "Este apareceu para tirar os pecados" (1Jo 3,5). (CIC §457)
E, achado em figura de homem, humilhou-se e foi obediente ate a morte, e morte de cruz! (Fl 2,5-8).
O sangue de Cristo foi derramado em nome de toda a humanidade sem exceção, até por aqueles que não o reconhecem como Filho de Deus, para nos purificar, lavar todos os nossos pecados. Este ato de total entrega teve o seu ápice em uma cruz de madeira.
A cruz (cruce, em latim) era motivo de vergonha, pois apenas os piores bandidos, a escória da sociedade, eram pregados no madeiro. Eles eram obrigados a carregar a pesada cruz em que seriam mortos; mas a cruz de Cristo era a mais pesada de todas elas, porque além de seu peso normal ela estava sobrecarregada com o peso dos pecados de toda a humanidade.
Cristo mudou o simbolismo da cruz
Após a sua morte violenta, a cruz passou a ser o símbolo da vitória de Deus sobre o mal. Logo a cruz passou a ser o sinal do cristão. É com este sinal que nós bradamos ao mundo que somos filhos de Deus. Onde se vê uma cruz sabe-se que ali há Cristo.
A Enciclopédia Britânica chama a cruz de “o principal símbolo da religião cristã”. Num julgamento em tribunal na Grécia, a Igreja Ortodoxa Grega chegou a afirmar que aqueles que rejeitam a "Santa Cruz" não são cristãos. (http://pt.wikipedia.org/wiki/Cruz)
Segundo a tradição, o sinal-da-cruz remonta ao tempo dos Apóstolos. Alguns afirmam que o próprio Cristo, durante a sua gloriosa Ascensão, abençoou os discípulos com este símbolo de sua Paixão Redentora. Os Apóstolos e demais discípulos teriam, por conseguinte, propagado esta devoção em suas missões. (http://www.eradomilagre.com)
O cristão deve adotar o costume de fazer sempre o sinal da cruz antes de iniciar alguma atividade para confirmar que Deus está sempre a lhe acompanhar. Com isto invoca-se a presença divina em nosso meio, seja nos momentos de lazer, de trabalho, de dificuldades, de oração, da refeição, enfim, em todos os momentos de nossa vida.
O cristão começa seu dia, suas orações e suas ações com o sinal-da-cruz, "em nome do Pai, do Filho e do Espirito Santo. Amém". O batizado dedica a jornada à glória de Deus e invoca a graça do Salvador, que lhe possibilita agir no Espírito como filho do Pai. O sinal-da-cruz nos fortifica nas tentações e nas dificuldades. (CIC §2157)
No século II, Tertuliano, o primeiro escritor cristão de língua latina, exortava: "Para todas as nossas ações, quando entramos ou saímos, quando nos vestimos ou tomamos banho, estando à mesa ou acendendo as velas, quando vamos dormir ou nos sentar, no início de nossas obras, façamos o sinal-da-cruz". (Pe Eduardo Delazeri)
Ao fazermos o sinal da cruz professamos a nossa fé na Santíssima Trindade. Ao sermos batizados o fazemos em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Pode-se fazer o sinal da cruz em si mesmo como uma forma de oração, de purificação, ou fazê-lo ao abençoar o filho, com um sinal da cruz em sua testa, por exemplo. Com isto trazemos a presença divina para nossos entes amados. Também, assim, o fazem os sacerdotes sobre os devotos ou sobre os objetos abençoando-os.
O Sinal da Cruz bem feito é riquíssimo em significado. Por Ele expressamos três verdades ou dogmas fundamentais da nossa fé: o Dogma da Santíssima Trindade, da Encarnação e da Morte de Jesus Cristo. Quando se diz: "em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo", você está proclamando o Mistério da Santíssima Trindade. Quando você leva à testa a mão direita, dizendo: "Em nome do Pai" e desce com a mão na vertical e toca na altura do estômago continuando: "e do Filho", você está indicando o mistério da Encarnação: o Filho de Deus desceu ao seio da virgem Maria. Depois, levando a mão direita para o ombro esquerdo completando a cruz tocando o ombro direito, está se indicando a morte de Jesus na Cruz.( http://www.movimentoliturgico.com.br)
Devemos fazer o sinal da cruz de forma correta, com respeito, e não de qualquer jeito, como se estivéssemos espantando moscas ou nos abanando.
Ao fazer este sinal devemos estar conscientes de que este gesto nos une a Deus, é um ato de fé e de amor. Este mesmo gesto que foi realizado no dia de nosso batismo nos deixa uma marca indelével de pertença a Cristo. Portanto deve ser feita com respeito.
Como fazer corretamente o sinal da cruz?
(Sinal da Cruz na testa) Pelo Sinal da Santa Cruz
(Sinal da Cruz na boca) Livrai-nos Deus Nosso Senhor
(Sinal da cruz no Peito) dos nossos inimigos
(Sinal da Cruz) Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, Amém.
O sinal da cruz é feito da seguinte forma: com a mão direita, levando-a da testa ao peito e do ombro esquerdo ao direito, pronunciando-se, ao mesmo tempo: "Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém." Com o polegar direito, fazer um pequeno sinal da cruz na TESTA, outro na BOCA e outro no PEITO, enquanto se pronuncia: "Pelo sinal da santa cruz, livrai-nos Deus, nosso Senhor, dos nossos inimigos”.
O inimigo pode estar dentro de nossas cabeças, incutindo maus pensamentos. Podem ser pensamentos de luxúria, de desejo de vingança, de egoísmos, de realizar o mal. Muitas vezes não conseguimos dominar nossos próprios pensamentos. O mal pode sair de nossa boca com palavras ásperas, ditas em um momento de tensão. Muitas são as oportunidades em que deveríamos calar, mas proferimos palavras que depois nos arrependemos. E, por fim, devemos em nossos corações cultivar o bem, encher nossos corações com coisas boas, próprias de Cristo. Só podemos dar aquilo que temos em nossos corações: se ele está cheio de coisas ruins, praticaremos coisas más; se ele está repleto de bons sentimentos, seremos praticantes de boas ações. Lembram do ditado: quem semeia ventos, colhe tempestades. Se praticamos boas ações, coisas boas nos aconteceram.
Completemos o sinal da cruz:
(†) Pelo sinal da Santa Cruz,
(†) livrai-nos Deus, nosso Senhor,
(†) dos nossos inimigos,
(†) em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém!
Com este Sinal, que é o sinal do cristão, nós pedimos proteção contra os nossos inimigos.
São inimigos aqueles que atentem contra a nossa pessoa, para nos causar tanto males físicos, quanto espirituais. O Sinal da Cruz, feito antes de iniciarmos as nossas orações, nos predispõe a bem rezar.
Analisando o sinal da cruz
† Pelo sinal da Santa Cruz: ao traçarmos a primeira cruz em nossa testa com o polegar direito, nós estamos pedindo a Deus que proteja a nossa mente dos maus pensamentos e nos leve a ter pensamentos puros e nobres, que nos livre das ideologias malsãs e das heresias, mantendo a nossa inteligência alerta contra todos os embustes e ciladas do demônio;
† Livrai-nos Deus, Nosso Senhor: com esta segunda cruz sobre os lábios, estamos pedindo para que de nossa boca só saiam palavras de louvor: louvor a Deus, louvor aos seus Santos e aos seus Anjos; de agradecimento a Deus, pois tudo o que somos e temos são frutos da Sua misericórdia e do Seu amor e não dos nossos méritos; que as nossas palavras jamais sejam ditas para ofender o nosso irmão. Pedimos também que nos livre da gula, do excesso de apego a coisas inferiores, como, também, preservar nossa língua de toda a maldade e toda a mentira. A língua é uma arma de dois gumes, pois com ela você pode ferir, humilhar, difamar, envergonhar, esmagar, caluniar e matar. Mas com a língua você pode também, ensinar, orientar, animar, consolar, pacificar, abençoar e salvar. Outra passagem relacionada ao assunto é o Salmo que diz: "O justo meditará a sabedoria e sua língua falará segundo a justiça; a lei do Senhor está no seu coração". Ai esta a síntese de uma vida cristã, marcada pelo sinal da cruz. ("Justiça", na Sagrada Escritura, é sinônimo de santidade).
† Dos nossos inimigos: esta terceira cruz tem como objetivo proteger o nosso coração contra os maus sentimentos: contra o ódio, a vaidade, a inveja, a luxúria e outros vícios; fazer dele uma fonte inesgotável de amor a Deus, a nós mesmos e ao nosso próximo; um coração doce, como o de Maria e manso e humilde como o de Jesus, nos levando a ter um coração regido pela lei do Senhor, lei que Santo Agostinho tenta resumir nesta frase: "Ama e faze o que quiseres". Mas cuidado, muitos falam de amor, inclusive os que confundem amor com luxúria, liberdade com libertinagem, paz com acomodação, equilíbrio com mediocridade. Se somos cristãos, procuremos "as coisas do alto". E guardemos puro o nosso coração, "pois dele vêm as fontes da vida". E, então, a nossa capacidade de amar será dilatada. E veremos como é bom ser bom.
Na Missa
Fazer o sinal da Cruz ao entrar na igreja;
Fazer o sinal da Cruz junto com o sacerdote no momento da Acolhida;
Quando houver o Rito da Aspersão, fazer o sinal da Cruz quando o padre aspergir água em sua direção;
Na Liturgia da Palavra, leitura do Evangelho: “Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo ...” Na proclamação do Evangelho, aquele que proclama faz uma cruz com o polegar no livro dos evangelhos e três cruzes sobre si, na testa, na boca e no peito. A assembleia também faz as três cruzes sobre si. A cruz na testa lembra que o Evangelho deve ser entendido, estudado, conhecido; a cruz nos lábios lembra que o Evangelho deve ser proclamado, anunciado (missão de todo cristão); e a cruz no peito, à altura do coração, nos indica que o Evangelho, acima de tudo, deve ser vivido, pregado e testemunhado. Não é necessário fazer o quarto sinal da cruz no final;
Fazer o sinal da Cruz durante a bênção final, quando o sacerdote invocar a Trindade;
Fazer o sinal da Cruz ao sair da igreja, pra lembrar a nossa missão cristã de anunciar o Evangelho a toda criatura.
Não Tema
Qualquer que seja a sua dor ou problema, lembre-se que Jesus sofreu uma dor muito, mas muito maior e não desistiu, porque sabia que Deus estava com ele. Jó também não desistiu. Carregue a sua cruz, se ela te foi dada foi porque você podia carregá-la.
Jesus nos diz: “Vinde a Mim, vós todos que estais aflitos sob o fardo, e Eu vos aliviarei

9 comentários:

soldados catolicos disse...

SALVE MARIA

Quero convida você meu irmão a participar do blog soldados católicos que foi fundando com o objetivos de reunir todos os sites e blogs católicos em um lugar só . E procurar sites e blogs católicos bons que não são conhecidos.
Se você se escreve as sua postagem sera divulgada por Email e pelo o Facebook e muitas pessoas poderão se interessa em ver o seu blog e assim a evangelização que já acontese seria mas divulgada esse é o objetivo do blog soldados católicos se tive interessado esconha uma categoria para o seu blog e envie um email ou um cometário esse é o link do blog.


http://ossoldadoscatolicos.blogspot.com/

e-mail para contato: soldadoscatolicos2@hotmail.com

PAZ E BEM

Anônimo disse...

siga os passos de Jesus e na minha opinião o Messias não fazia o sinal da cruz antes de morrer nela.

Comunidade São Sebastião disse...

o Blog foi muito bem elaborado já fiz um link para o meu blog parabéns.
Grupo jovem UFC.

Anônimo disse...

Não fazia o sinal da cruz mas ao morrer passou por ela para vencer a morte.! Não é a cruz que nos salva. É O QUE ELA REPRESENTA!

Anônimo disse...

NOSSA BEM, QUANTA BURRICE NA SUA CABEÇA,AI QUE TÁ,JESUS PASSA PELA CRUZ PARA VENCER A MORTE,E VENCE,POIS ELE É DEUS,MAIS UMA VEZ ELE REBATE.PARA OS JUDEUS,CRUZ REPRESENTAVA HUMILHAÇÃO,VERGONHA..PORQUE QUE SERÁ QUE JESUS FOI OBEDIENTE ATÉ A MORTE?NÃO SERIA PARA MOSTRAR QUE A CRUZ NÃO SERIA MAIS HUMILHAÇÃO E NEM VERGONHA,E SIM SINAL DE VITÓRIA SOBRE A MORTE?ELE NÃO É DEUS?SE VC NÃO SABE TBM,O MAIS SÁBIOE O PSICÓLOGO DOS PSICÓLOS....POIS É,SÓ OS GENTIOS PARA ENTENDER OS MISTÉRIOS DA SANTA IGREJA INCLUSIVE OS MISTÉRIOS DA SANTA CRUZ..VAI ESTUDAR VAI,PEGUE O NOVE TESTAMENTO E PROCURE ENTENDER!

maria santos disse...

O SINAL DA CRUZ NOS LIVRA DO MAL, MESMO DIANTE DO DIABO O QUE O FAZ MANTER DISTÂNCIA É O SANTO SINAL DA CRUZ, ELE NOS LIVRA DO MAL. É UM TESTEMUNHO QUE SOMOS DE JESUS CRISTO NA TERRA, COLOCAR UM CRUCIFIXO EM NOSSA CASA MOSTRA CLARAMENTE A TODOS OS QUE ENTRAM NELA QUE SOMOS CRISTÃOS É UM SINAL DA NOSSA FÉ EM CRISTO JESUS.E FAZER O SINAL DA CRUZ SOMOS OS FILHOS DE DEUS SOMOS DA SUA FAMÍLIA.

Anônimo disse...

Nossa!!!! que o Senhor te abençoe para vc nunca mais dizer estas tolices... Chamando os irmãos de burros quem vc acha q é?? Somente Deus pode Julgar a nós seus filhos e não vc.. Da forma q vc falou quem parece burro aki é vc.. q esta lendo q Jesus quer pessoas de coração puro e saiba perdoar e espalhar seu evangelio.. e vc quer ensinar o povo esculachando dessa forma??? Por favor não faça mais isso....

maria santos disse...

Por gentileza reveja seu comentário o cristão deve ter discernimento o sinal da cruz é um sinal de proteção pois mantêm afastados os demônios, como diz São Bento : A cruz sagrada seja minha luz. Na cruz Cristo abriu um caminho para o céu para nós uma estrada onde podemos passar sem ser levados como antes o era feito, agora podemos passar pois ele pagou pelos nossos pecados, pecados que toda a humanidade tinha feito, nosso destino antes de Cristo era a escuridão, com Cristo luz do mundo vamos para o céu por nossa fé no nosso mestre , perdoar é um dos ensinamentos de Cristo pois nos perdoamos a nós mesmos também com a mesma vara que medimos seremos medidos, o sinal da cruz é um sinal de cristãos este sinal é santo e nos da proteção espiritual deixando a nossa volta um sinal de luz imperceptível para nossos olhos mas de grande luz espantando o mal, a luz é tudo o que Cristo ensinou e ensinou os apóstolos pois quem ensinou o sinal da cruz foram eles para nós, e a santa igreja que vem desde os primeiros tempos sendo luz para o mundo pois foi fundada por Jesus Cristo filho de Deus.

Anônimo disse...

Creia , pois ele existe .

Postar um comentário